Os pais e professores presentes gostaram, riram, aplaudiram e ficaram a saber que “Não há pais perfeitos. Há os que tentam ser melhores. E os que não

Os pais e professores presentes gostaram, riram, aplaudiram e ficaram a saber que “Não há pais perfeitos. Há os que tentam ser melhores. E os que não

Sábado, 7 de Março de 2009
Palestra “Somos bons pais”

Quantas vezes já se perguntou: Serei boa mãe? Serei bom pai? Foi a esta e a muitas outras questões que o Dr. Alfredo Leite procurou responder, sem querer dar receitas, mas pondo os pais a reflectir.

O objectivo da palestra, realizada no passado dia 4, no Auditório Municipal, no âmbito do Projecto “inSucesso?!Vamos…” era claro: melhorar o “currículo familiar” nomeadamente as relações entre pais e filhos e as práticas de vida familiar. A família é um contexto de aprendizagem fundamental: os pais são os primeiros e mais influentes professores dos seus filhos. Sabe–se hoje que, quando a criança chega à escola com atitudes, hábitos e competências para aproveitar ao máximo, o que o professor ensina, a eficácia do próprio professor aumenta.

(…)

As entidades parceiras do projecto estiveram presentes: pela Câmara Municipal de Baião, o Sr. Presidente da Câmara, e da Associação de Pais do Agrupamento Vale de Ovil compareceram alguns elementos.

Os pais e professores presentes gostaram, riram, aplaudiram e ficaram a saber que “Não há pais perfeitos. Há os que tentam ser melhores. E os que não tentam.” (Dr. Alfredo Leite, Psicólogo Educacional).

(Publicado por anaprof)

publicado por BibliotecaH às 12:12link do post comentar adicionar aos favoritos
Adicionar ao SAPO Tags

Blogar isto

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

0 WooCommerce Floating Cart

No products in the cart.